Casos

Saúde Já

Uma start-up de serviços de saúde, spin-off de um grupo bem sucedido em diversas áreas, estava com dificuldades em tornar escalável o seu negócio. O que fazer?

DESAFIO

A Saúde Já era um modelo de negócio, representado por um aplicativo de serviços de saúde popular, que apresentava problemas de crescimento tanto de usuários como de rede referenciada. Este tipo de negócio necessita conquistar uma base escalável para atingir volumes críticos sustentáveis. Uma plataforma digital só é minimamente funcional quando sua rede torna-se um processo autônomo.

 

SOLUÇÃO

A investigação mapeou todos os seus concorrentes e seus estágios de desenvolvimento. Ao mesmo tempo, procurou-se entender as necessidades dos usuários, da classe médica e das unidades de saúde disponíveis. Também foi realizado um estudo de sinais tênues de mudança no mercado de saúde (antes de configurarem tendências para serem seguidos por todo o setor).

Percebeu-se que o cliente estava usando meios de comunicação tradicionais em um negócio disruptivo e que o investimento estava focado somente nas atividades do presente, sem um projeto de construção de um novo modelo de negócio futuro. A empresa necessitava de pivotar urgentemente. Foi realizado um Creathon com a diretoria e com diversos stakeholders estratégicos para gerar um plano de captação financeira e implementação do modelo de negócio mais indicado.

Equipes no Brasil, Estados Unidos e Portugal.

Fale com a gente

4 + 15 =

Parceiros B-Think

Brand thinking

Pesquisas

Share This